Governo do Estado vai pagar três parcelas do vale-alimentação estudantil

Foto: Divulgação/ Secom
(Foto: Secom)

A totalidade do pagamento da primeira parcela de 2021 do Vale-alimentação estudantil foi concluída nesta terça-feira (23). O Governo do Estado antecipou o credito de 93% dos estudantes no último domingo (21), por determinação do governador Rui Costa, e creditou o valor dos 7% restantes hoje.

Cada aluno da rede estadual de ensino recebe R$ 55 para a compra de alimentos. O valor é depositado em cartões que já foram distribuídos aos estudantes e responsáveis. O superintendente de planejamento da Secretaria da Educação do Estado, Manoel Calazans, informa que já está garantido o pagamento de mais duas parcelas este ano para apoiar os estudantes e suas famílias nesse momento de pandemia.

“O pagamento foi antecipado, seria hoje, e desde domingo que ele entrou na conta, para evitar, justamente, qualquer tipo de aglomeração que os estudantes tenham acesso. São mais de 20 mil estabelecimentos com a bandeira do cartão para uso exclusivo com alimentação. A gente fez uma pesquisa com base nas compras executadas e a gente viu que ovos aparecem como um dos primeiros itens, leite em pó, açúcar, feijão, sempre item de primeira grandeza… e a gente percebe o quanto é estruturante um programa como esse, porque as famílias passam por dificuldades, principalmente num momento de pandemia”, disse o superintendente.

“Esses R$ 55 acabam ajudando na estrutura alimentar da família. Os estudante que têm CPF recebem o cartão no seu nome. Em outros casos, os menores, eles têm um cartão em nome do responsável legal, ou pai e a mãe. O governador Rui Costa anunciou um pacote de medidas de assistência para a educação e outros segmentos e já disse que o vale-alimentação vai continuar. Essa foi a primeira parcela, mas nós teremos mais duas ainda em 2021”, afirmou Calazans.

Compartilhe:

Ouça nosso podcast: