Carnaval: ponto facultativo é suspenso em Recife (PE)

Prefeito João Campos (PSB) anunciou a suspensão do ponto facultativo. (Foto: Rafael Furtado / Folha de Pernambuco)

Durante a coletiva de imprensa para anunciar o Auxílio Municipal Emergencial de Carnaval (AME) para a cadeia produtiva que trabalha no ciclo carnavalesco, nesta terça-feira (9), o prefeito do Recife, João Campos (PSB), anunciou a suspensão do ponto facultativo durante o período de Carnaval, nos dias 14 e 15 de fevereiro. 

Auxílio

O auxílio emergencial será pago pela Prefeitura do Recife, com apoio da iniciativa privada. A Ambev, patrocinadora master dos ciclos festivos da cidade, integra a estratégia de preservação do patrimônio cultural do povo recifense nestes desafiadores tempos de ruas silenciadas pela pandemia, com aporte de R$ 1,5 milhão. 

Ao todo, serão distribuídos mais de R$ 4 milhões para agremiações a atrações que se apresentaram na programação montada pela Prefeitura para celebrar o Carnaval 2020, como alternativa de resistência cultural e social às necessárias restrições e proibições implementadas pelo Governo de Pernambuco, no enfrentamento à pandemia no estado.

Cerca de 160 agremiações e 900 atrações artísticas, entre cantores, bandas e orquestras, estão aptas a receber o benefício, totalizando mais de 27 mil pessoas. Todos precisam estar sediados no Recife e devem necessariamente ter integrado a programação oficial do Carnaval 2020, promovida pela Fundação de Cultura Cidade do Recife.

(Fonte: Folha PE)

Compartilhe:

Ouça nosso podcast: