Agosto Dourado: Araripina promove ‘mamaço’ e palestras na semana mundial do aleitamento materno

0
21
(Foto: Divulgação)


Iniciou nesta segunda-feira (2) a Semana Mundial de Aleitamento Materno em
Araripina. Até a próxima sexta (6), a Prefeitura por meio da Secretaria de
Saúde vai promover palestras e rodas de conversa sobre a importância e
orientação sobre a técnica correta de amamentação.

O tema da campanha deste ano é “Proteger a amamentação: uma
responsabilidade compartilhada”, e o objetivo é garantir o direito da mulher em
amamentar de forma segura, encorajando também a participação da
sociedade, profissionais da saúde e profissionais da educação a se envolverem
nessa questão, tanto durante o período da amamentação, quanto ao longo de
toda a maternidade.

Gestantes participaram de uma palestra na manhã desta segunda (2) na
abertura da campanha no município. A secretária de Saúde, Roberta Falcão, e
servidores da saúde municipal também participaram.

Leite materno

O Estudo Nacional de Alimentação e Nutrição Infantil (Enani), do Ministério da
Saúde, que avaliou 14.505 crianças menores de 5 anos, entre fevereiro de
2019 e março de 2020, mostrou que os índices de aleitamento materno estão
aumentando no Brasil. Mais da metade das crianças brasileiras continua sendo
amamentada no primeiro ano de vida, de acordo com a pesquisa, e mais de
45% das menores de 6 meses recebem leite materno exclusivo.

O leite materno é o alimento mais completo para o bebê, conforme o ministério,
pois apresenta os nutrientes que ele precisa para se desenvolver de forma
saudável até os 6 meses de vida. A partir dos 6 meses, a orientação é que o
bebê continue mamando até os 2 anos ou mais, e seja introduzida a
alimentação complementar saudável.