Sindsemp discute projeto de plano de habitação para os servidores públicos municipais

(Foto: Divulgação)

A diretoria do Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina se reuniu nesta quinta-feira (18) com membros da Construtora Morare para discutir o plano de habitação para o servidor, oferecido pela empresa. O projeto oferece três tipos de opções para quem quer ter sua casa própria, com o objetivo de contemplar todas as categorias e o maior número possível de servidores.

O plano de habitação consiste em três categorias que devem ser escolhidas pelo servidor, de acordo com seu poder de liquidez, baseado na renda particular de cada um. Participaram da reunião, o presidente do Sindsemp, Walber Lins; o diretor de política sindical, Edson Santos; a diretora financeira, Elizete de Souza; a diretora de assuntos extraordinários, Luciedna Batista; a assessora de investimentos da Construtora Morare, Luana Gomes e o construtor e engenheiro da Morare, Bruno Aragão.

A Construtora oferece um projeto com diferencial, apresentado por Luana Gomes. Segundo a assessora de investimentos, a empresa possui seu próprio financiamento, com várias parcerias comerciais com bancos digitais, que oferecem taxas diferenciadas, grandes parcerias com várias administradoras de consórcios, além de um portifólio de várias cartas de crédito contempladas.

O corpo diretivo do Sindsemp discutiu com os representantes da empresa, todo o projeto, questionando os requisitos e as possibilidades de aquisição dessas moradias. O presidente do Sindsemp, Walber Lins, se atentou para o ponto central do plano de moradia, oferecer um projeto que, dentre as opções disponíveis, englobe todas as categorias de servidores do munícipio, visando o benefício dessas classes e oferecendo as condições necessárias para a tão sonhada casa própria.

Com informações: Assessoria de Comunicação do Sindsemp

Compartilhe:

Ouça nosso podcast: