Santa Maria: Vereador Jorge do Futuro chama vice-líder do governo de “estepe” e “sem confiança”

0
15
(Foto: Anderson Guimarães)

Na sessão desta terça-feira (5), o clima ficou tenso entre os vereadores Jorge do Futuro (REPUBLICANOS) e Ênio Oliveira (PDT).
Tudo começou quando o vereador Binha do Mercado (PSB) voltou a falar sobre o TFD, cobrando transporte de qualidade para os usuários. Na tribuna, Binha disse que sente mais confiança quando pergunta ao vereador Anderson Harlem (PP), líder do governo na câmara, fazendo referência ao vice-líder, Ênio Oliveira (PDT).

“Aproveitando que o senhor está hoje, eu fiz uma pergunta semana passada, nobre Anderson, o senhor estava ausente como líder, e o nobre Ênio respondeu, mas eu sinto firmeza mesmo é quando o senhor responde. Cadê o carro do TFD que o senhor chegou anunciar a chegada desse veículo para troca e o povo tanto pede que aconteça, nobre? O senhor anunciou”. destacou Binha.

Logo em seguida, o vereador Ênio entrou na conversa e falou que não entendeu a fala de Binha, “não entendi, quer dizer que o vereador Ênio Oliveira não tem palavra? Questionou Ênio. Binha não titubeou e confirmou: “Nada pessoal, me desculpe, mas eu sinto mais firmeza quando o nobre líder (Anderson) abre a boca e diz que vai chegar. Eu não tô acreditando nem muito no vereador Yuri (filho do prefeito), mas no líder, se o líder disser que vem, vem!”, retrucou Binha.

Até então a sessão ocorria tranquila, mas quando chegou o momento do vereador Jorge do Futuro (REPUBLICANOS), usar a tribuna, ele saldou os vereadores em nome do vice-líder da situação, Ênio Oliveira, o chamando de ‘estepe’, pneu reserva utilizado em veículos, foi aí então que o clima ficou tenso, “em nome do nosso vice-líder estepe, Ênio Oliveira, eu quero saldar os nobres parlamentares desta casa. Ênio, uma coisa me lembrou as colocações de Binha. Você viu o estepe dos carros novos que vem agora? É uma coisinha, não merece a gente confiar numa coisa daquela, e o vice é o estepe do original”, comentou Jorge que logo em seguida destacou se tratar de uma brincadeira, “brincadeira Ênio, brincadeiras a parte, o senhor é um caba de palavra e a gente conhece, pode ter certeza disso, tem prestado seu serviço e muito bem prestado ao povo boavistano” continuou o parlamentar.

O vereador Ênio Oliveira não gostou nada da brincadeira e retrucou, “o que me entristece nessa casa é um vereador de quatro mandatos, que a gente pode se espelhar, eu achava que podia me espelhar no vereador Jorge do Futuro e tratar a gente dessa forma como ele me tratou. Quero dizer a você, Jorge, sou muito orgulhoso de estar aqui nessa cadeira representando nosso povo, quero dizer ao senhor que sim, posso ter sido tratado como estepe, como o senhor disse, mas olhe, eu queria que o senhor tivesse respeito, um vereador de quatro mandatos se dirigir a um vereador de primeiro mandato dessa forma, fiquei muito triste com o senhor. O senhor deveria ter mais respeito, principalmente com uma pessoa que toda vida lhe respeitou” rebateu Ênio.

Jorge tentou justificar que se tratava de uma brincadeira, ”peço desculpa de coração, jamais quis menosprezar o senhor. Peço perdão humildemente”, se desculpou Jorge. Ênio não se mostrou satisfeito com o pedido de desculpa, “essa casa não é casa de brincadeira não, é uma casa séria, nós treze representamos nossa população”, retrucou Ênio. O vereador Jorge logo em seguida se retirou da sessão. Ênio evitou falar sobre o assunto.

Anderson Guimarães/Nossa Voz