Prefeitura reforça ilegalidade de descarte de lixo em áreas públicas e privadas não autorizadas

Foto: Imagem Ilustrativa/ Ascom PMP

Petrolina é o município pernambucano que possui a maior área do estado. São cerca de 4,5 mil quilômetros quadrados, de acordo com os dados do IBGE, ficando à frente, até mesmo da capital, Recife. Com toda essa extensão, já seria um desafio natural manter a cidade sempre limpa e organizada e, apesar dos esforços do poder público, a missão tem se tornado quase impossível, graças à falta de consciência de  algumas pessoas.

Apesar da prefeitura dispor de coleta de lixo, que passa recolhendo os resíduos, pelo menos, três vezes por semana em área urbana, ainda há pessoas que descartam em terrenos baldios públicos e privados. Para tentar coibir esta ação e manter a cidade limpa, o município dispõe de pontos de descarte para que sejam depositados restos de construção e poda de árvores. 

Além de sujar a cidade, quem despeja ou paga outro para realizar o depósito em local inapropriado, está cometendo crime ambiental. A Lei Federal 9.605/98, artigo 54, pune com reclusão de um a quatro anos e multa quem causar poluição de qualquer natureza em níveis que resultem ou possam resultar em danos à saúde humana.

“Estamos sempre fazendo um grande esforço para que nossa cidade esteja sempre como merece: limpa e organizada. Nossas equipes estão, diariamente, limpando. Não há um só dia que tenhamos um dia ocioso. Porém, infelizmente, limpamos áreas públicas que não são áreas de descarte, e no dia seguinte, já há lixo novamente. Para evitar situações como esta, a prefeitura dispõe de espaços públicos para descarte de pequenos entulhos – o equivalente a um carrinho de mão –  e poda de árvores. Por isso, sempre pedimos a colaboração das pessoas. É dever de cada um fiscalizar nossa cidade” , frisa o secretário executivo de Serviços Públicos, Alisson Oliveira. 

Qualquer quantidade de material que exceda ao permitido, o cidadão deve contratar uma empresa especializada em recolhimento de lixo ou levar ao aterro sanitário existente no município para que haja a destinação correta do material. Os demais resíduos, podem ser descartados na coleta de lixo regular, que atende os bairros da área central com o recolhimento três vezes por semana. 

Os pontos de descarte públicos são limpos uma ou duas vezes no mês, a depender da necessidade, pela Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra).

Confira os endereços dos pontos de descarte: 

*José e Maria – R. Maria Coelho De Amorim, 4 – José e Maria 

*João de Deus – Rua vinte e três, Petrolina (por trás do cemitério do João de Deus)

*Descida do viaduto – Ao lado do clube do carro.

*Quati – Rua Nove (extinta lagoa de estabilização)

Compartilhe:

Ouça nosso podcast: