Orla Nossa: com 70% da margem do Rio São Francisco recuperada, Petrolina segue com programa de revitalização

Foto: Prefeitura de Petrolina

Uma atividade desenvolvida pela Prefeitura está transformando a margem do Rio São Francisco, em Petrolina. Além de melhorar a qualidade da água, as ações realizadas através do Programa ‘Orla Nossa’ também vão permitir a recuperação de 12 hectares da mata ciliar, que irá receber 7 mil plantas nativas da Caatinga como Ingazeira, Jatobá, Marizeiro e Caraibeira.

A área em recuperação compreende toda região da Orla II, que vai desde o Círculo Militar até o último restaurante da via. O trecho está completamente cercado para delimitar e proteger o local.

De acordo com o diretor-presidente da Agência Municipal do Meio Ambiente, Geraldo Miranda, o Programa de Recuperação de Áreas Degradadas (PRAD) já está 70% concluído. “Já realizamos a recuperação e correções do solo, como também o coveamento do trecho. E neste momento, estamos realizando a escavação do ramal central do sistema de irrigação”, explica Geraldo.

“Após essa fase vamos realizar o plantio das árvores nativas no dia mundial da água (22/03). Além disso, durante os próximos quatro anos será realizada uma pesquisa científica de acompanhamento do desenvolvimento das plantas”, destaca o diretor de projetos da AMMA, Victor Flores.

Projeto ‘Orla Nossa’

É um programa da Prefeitura de Petrolina, com execução da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA), da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Sustentabilidade (SEDURBHS), da Secretaria Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (SEINFRA). A etapa de plantio conta com a parceria do IF Sertão e Agrovale, que também produziram as mudas.

Dentro do projeto ‘Orla Nossa’, a AMMA já realizou a retirada de 70% dos esgotos clandestinos; soltura de 250 mil alevinos na bacia do Rio: peixes recém nascidos das espécies piau verdadeiro e pacumã; melhoria de 600% no nível de oxigenação da água e manejo das plantas aquáticas.

Compartilhe:

Ouça nosso podcast: