Ex-funcionários da Joalina reivindicam direitos trabalhistas pela 3° vez

(foto: reprodução)

Ex-funcionários da Joalina Transportes, que foram demitidos por causa da troca de concessionária de transporte público de Petrolina, protestaram pela terceira vez, na manhã desta segunda-feira (06), em frente a garagem da empresa pelo não recebimento dos direitos trabalhistas. O presidente da associação dos motoristas, Ednaldo José relata que ainda não conseguiu diálogo com a gerência.

“Não entramos ainda com representação na justiça, por conta do recesso da justiça, mas se não conseguirmos um diálogo, vamos ter que entrar com ações na justiça”. O motorista Jailto diz o que quando aciona o setor pessoal, eles pedem para que os ex-funcionários busquem a justiça. “Não existe isso, queremos nossos direitos”.

Os motoristas denunciam que ainda não receberam todos os valores referentes a rescisão contratual, como também a segunda parcela do décimo terceiro. Geraldo que também é motorista, está com suas contas atrasadas apela “pague pelo menos a quinzena e nosso décimo o resto a gente negocia”.

O Nossa Voz está com o espaço para que a Joalina Transporte se pronuncie sobre o caso.

Compartilhe:

Ouça nosso podcast: