Após 11 anos de espera, jovem aguarda ser contemplada em sorteio do Novo Tempo V

Mãe de dois filhos, divorciada, Adriana dos Santos vive a expectativa do sorteio das casas do Residencial Novo Tempo V.

Ao Nossa Voz ela relatou que foi despejada no ano passado, quando teve o salário reduzido pelo empregador diante da desaceleração da economia por causa da pandemia da covid 19. Agora, vive mudando de endereço, sempre em busca de um local com aluguel mais barato, de acordo com o que pode pagar.

Inscrita no programa habitacional do município há 11 anos, a jovem reforçou que sempre atendeu aos chamados de recadastramento e atualização de dados.

Embora a informação repassada pela Prefeitura de Petrolina seja que o sorteio será realizado entre as famílias que “moram em ocupações irregulares (invasões) e áreas de risco, cujo cadastramento foi feito in loco e também, tiveram a documentação aprovada pela instituição financeira”, Adriana não perde a esperança.

Ela também relatou a tristeza que sente ao saber que contemplados em outros residenciais vendem as casas ou simplesmente não as ocupam, mantendo os imóveis vazios, mesmo diante de tanta gente necessitando de uma casa.

Ao olhar para as unidades concluídas no Novo Tempo V, Adriana dos Santos afirma que seus olhos “brilham” diante da expectativa de morar no local. “As casquinhas tão lindas. Fico me imaginando morando em uma delas”, planejou.

Com a entrega do residencial, 230 famílias serão contempladas. A lista dos beneficiados, assim como o sorteio dos endereços, será divulgado nesta quarta-feira (07), às 11h. A ação será conduzida pela Caixa Econômica Federal em parceria com a Prefeitura de Petrolina.

Compartilhe:

Ouça nosso podcast: